Carregando…
Lesões na musculação

Lesões na musculação? Quem é o culpado?

Muitas vezes ouvimos as pessoas relacionarem a lesão única e exclusivamente ao peso utilizado no exercício. Mas será que o peso é o único vilão desta estória? Óbvio que o peso tem que estar dentro dos limites de tolerância e segurança, mas normalmente o que vemos nas salas de musculação são pessoas treinando com sobrecargas abaixo dos limites e lesionadas… Você deve estar se perguntando: – Por quê?

Praticamente qualquer pessoa que se propõe a praticar uma atividade física pode ter algum tipo de lesão em algum momento do treinamento. Então o que devemos fazer para tentar diminuir os riscos?

A chave para evitar lesões é o desenvolvimento de técnica apurada na execução dos exercícios, concentração e uma boa flexibilidade.

Lembrando a importância do equilíbrio musculoesquelético, pois o corpo sempre se rompe em seu ponto mais fraco.

Todo o programa de treinamento deve ser compatível com a capacidade do indivíduo de recuperar-se e adaptar-se às demandas do programa e ajustado segundo essa capacidade. Ele não deve ser fácil demais nem difícil demais, mas estimular a adaptação.

Busque a orientação de um bom profissional para o desenvolvimento de um programa de treinamento que realmente respeite a sua individualidade e questione sempre, tente entender o que você está fazendo e para que serve.

Quando a lesão acontecer não crucifique o peso que esta sendo utilizado,mas sim o que pode ter levado a lesão, esses fatores estão acima citados, então analise uma a um e veja qual deles pode ter influenciado e tente mudar ou melhorar, só assim diminuiremos os riscos de lesão.

Um grande abraço e muita saúde para todos.

Profª Simone Herdina